/ Gritos de Minha Alma: O Gosto Amargo do Abandono...

terça-feira, janeiro 23, 2007

O Gosto Amargo do Abandono...



Havia em cada canto, um sorriso...
Pelo ar, um cheiro de amor presente...

Nos meu olhos, ternura e desejo...
Em minha boca,
O gosto do teu beijo quente...
Em meu coração, morava a felicidade...
E no meu corpo
Queimava a chama do teu corpo ardente...

Hoje há em cada canto, uma saudade...
Em minha boca,
O gosto amargo do abandono...
Tudo é vazio, escuro e sem sentido...
Os meus olhos
Choram a dor da separação...
Meu coração sofre por teu amor perdido...
O meu corpo
Sente o frio da solidão...

Onde andas tu, que me juravas tanto amor...
Que dizias não poder viver sem mim...?

...Em nossas noites de amor, me embriagavas
Com tuas carícias, tua ternura, teu calor,
Me fazendo mergulhar no paraíso...
Depois do amor maior me acariciavas...
E na doçura em que os sentidos se acalmam,
Enlaçado nos meu braços, realizado, tu ficavas...


Onde andas tu, que me juravas tanto amor...
Que dizias não poder viver sem mim...?


Copyright © 1986
By Valderez de Barros
All rights reserved.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home