/ Gritos de Minha Alma: Fonte de amor

segunda-feira, março 11, 2013

Fonte de amor



Já não sei se corro atrás dos meus sonhos,
Quando sinto, às vezes, o peso da idade.
Mas, não posso permitir a mim mesma,
Que tanta vida gritando pra ser vivida,
Seja abafada pelo desânimo que me arrasta
Para o fundo dos meus desencantos.


Nessas contradições em que minh'alma se debate,
O tempo me castiga, passando cada vez mais rápido.
Tento me  arremessar de corpo e alma
No mundo das emoções, que gritam impacientes
Dentro de mim  pra se libertarem,
Mas, minha vontade arrefece, abate-se  nessa luta,
Sem forças  para encontrar
A fonte cristalina do amor e da poesia.

Copyright ©mar /2013
By Valderez de Barros
All rights reserved.

Copyright © fev /2013 By Valderez de Barros All rights reserved.
Copyright © fev /2013 By Valderez de Barros All rights reserved.
Copyright © fev /2013 By Valderez de Barros All rights reserved.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home