/ Gritos de Minha Alma: Março 2009

sábado, março 28, 2009

Perfume da vida


Quero que me ames,
Como a primavera
Ama as flores,
Dando-lhes brilho,
Colorido e perfume...
O perfume da vida...!

...Com a impetuosidade
E a força das ondas do mar,
Arrastando-me em sensações
Fortes e tresloucadas,
No torvelinho de emoções
Das tuas carícias infindas...!

Quero que me ames
Com a beleza do alvorecer,
Descortinando e iluminando
A escuridão de minh'alma,
Numa aquarela de cores,
Deslumbrando o meu viver...!

Publicado no Recanto das Letras em 22/03/2009
Código do texto: T1500050
Copyright © abr / 2009
By Valderez de Barros
All rights reserved.

Buscando teu corpo...


Na noite fria,
Busquei teu corpo
Pra me aquecer...
Só encontrei o vazio...

Permaneci acordada
Por várias horas
Sentada na cama,
Braços ao redor dos joelhos...

O frio aumentou,
Gelando meu rosto,
Onde lágrimas quentes
Tentavam aquecer minha dor...


Publicado no Recanto das Letras em 12/03/2009
Código do texto: T1482655
Copyright © mar / 2009
By Valderez de Barros
All rights reserved.

sábado, março 14, 2009

O poeta



Assim como
.
Um grande pintor

Mistura as tintas

E cria suas

Telas imortais,

O poeta mistura

As palavras

Com suas emoções

E lhes dá vida,

Luz, cor, harmonia,

Ritmo, com sua poesia,

Escrevendo magníficas

Pérolas poéticas,

Que jamais morrerão...


No "Dia da Poesia", deixo aqui a minha singela homenagem a todos os poetas do mundo, inclusive aos que já se foram para um plano melhor.Um abraço carinhoso para todos!!!

Publicado no Recanto das Letras em 14/03/2009
Código do texto: T1486946
Copyright © mar / 2009
By Valderez de Barros
All rights reserved.

quarta-feira, março 11, 2009

Coração apaixonado...


Meu coração apaixonado,

Esconde-se,

Timidamente calado,

No sorriso disfarçado

Que se abre no meu rosto,

Quando de mim te aproximas;

Sem perceberes,

Nem sequer imaginares,

O quanto te amo e te quero...


Publicado no Recanto das Letras em 05/03/2009
Código do texto: T1471146

Copyright © mar / 2009
By Valderez de Barros
All rights reserved.

Quiçá...!





Penso em ti com tanta emoção...!
Com tanta saudade...!
Penso em nossas diferenças
E me foje a esperança
De um dia sermos um só...!

Penso em nós dois,
Na felicidade que poderíamos ter,
Nos momentos que poderíamos viver,
Com todo o amor que temos
Guardado em nossos corações...!


Penso em mim,
Na impossibilidade de realizar
Esse amor tão louco! Porque sei
Que jamais serás meu...!
Quiçá...de ninguém...!

Publicado no Recanto das Letras em 05/03/2009
Código do texto: T1471150
Copyright © mar / 2009
By Valderez de Barros
All rights reserved.

terça-feira, março 03, 2009

Na penumbra...






Na penumbra do meu quarto,
Visualizo nas paredes
Formas sutis, distorcidas,
Que me lembram tempos idos...


Meus tempos de menina,
Quando elas me assustavam,
Pois eu acreditava serem imagens
Do bicho-papão, que comia crianças...


Hoje elas ainda me perturbam,
Me fazem sentir algo diferente...
O medo de um fantasma sorrateiro,
Chamado Solidão...

Publicado no Recanto das Letras em 14/02/2009
Código do texto: T1439677
Copyright © mar / 2009
By Valderez de Barros
All rights reserved.

Chamando por ti...


No esquecimento em que vivo,
Um gemido de amor e de saudade,
Soa rouco em minha garganta...
É minh'alma chamando por ti...!
.
Se em algum momento,
Ouvires um ai de amor,
É meu coração partindo-se de dor
Pelo teu abandono, pelo teu silêncio...
.
...E em prantos desfeito,
A cada instante longe de ti,
Ele morre um pouquinho,
Dentro do meu peito...!
.
Publicado no Recanto das Letras em 11/02/2009
Código do texto: T1433659
Copyright © mar / 2009
By Valderez de Barros
All rights reserved.