/ Gritos de Minha Alma: Abril 2007

sexta-feira, abril 27, 2007

Tua Eterna Namorada...



No silêncio da minha solidão,
Gritos de amor sufocam meu coração...
Porque nunca serei tua,
Porque meu, nunca serás...

Acho que é destino meu
Amar sozinha...
Caminhar sem tua mão na minha,
Sem poder me apoiar no ombro teu...

Vida minha,
Que em meu peito fez morada,
Como eu queria ser
Tua eterna namorada...!


Copyright © abr/2007
By Valderez de Barros
All rights reserved.

segunda-feira, abril 23, 2007

Não me deixes morrer de amor...!



Eu te amo, sem querer te amar...!
Não posso te amar...!
Por que apareceste agora na minha vida,
tão inesperadamente, quando meu coração
acabava de sarar de outro amor
que muito me machucou...?
Eu não queria mais amar de longe...!
Jurei pra mim mesma que só amaria alguém
que estivesse sempre pertinho de mim...!
.
Por que este meu coração não se aquieta
e vive se apaixonando
por quem nem sabe que existo...?
Não quero mais chorar...!
Não quero mais sofrer...!
Por favor, coração carente,
sempre agindo como adolescente,
pára de sonhar tanto
e procura a tua realidade...!
.
Não vês que teu amor é impossível...?
Não vês que continuarás só,
como sempre estiveste...?
Por que vives a me pregar
peças tão dolorosas...?
.
Se não encontro quem me ame,
por favor não te antecipes!
Saibas esperar a hora e a pessoa certa...!
Já chorei muito por amor...!
Agora eu quero amar e ser amada...!
.
Quero abraçar bem apertado
aquele que me queira amar...!
Quero dançar abraçadinha,
cantando uma música suave
para o meu amado!
.
Quero que ele sussurre ao meu ouvido:
eu te amo! És a minha vida!
Quero que nos percamos de nós mesmos
e nos encontremos um no outro...!
Por favor, coração,
não me deixes morrer de amor...
sozinha...!

Copyright © abr/2007
By Valderez de Barros
All rights reserved.

segunda-feira, abril 16, 2007

Pedaços de Mim...










Estou ouvindo uma música linda e romântica...


A emoção vai chegando de mansinho,


A garganta se contrai,


O coração aperta...


Lágrimas caem livremente pelo meu rosto.


Pensamentos tumultuados vêm à minha mente...


São flashs de momentos vividos,


Pedaços de mim que ficaram


Esquecidos num lugar qualquer...


De momentos que sonhei viver,


Pedaços de mim que querem se encontrar


Em caminhos por onde nunca passei...


Esperanças vãs de realizar sonhos lindos


Que enchem minhas noites solitárias e vazias.


Uma vontade de chorar, chorar;


De fugir de mim mesma,


Do que me entorpece a razão...


E viajar para um mundo que só existe


No mais íntimo do meu ser...


Um mundo só meu,


Onde esqueço os traumas que me machucam,


Onde sou o que sinto ser...


Uma mulher em toda a sua essência...


Copyright © abr/2007
By Valderez de Barros
All rights reserved.




domingo, abril 08, 2007

O SILÊNCIO DOS DESEJOS!


Desnudo minha alma **
Acoberto o corpo em teu abraço *
Coração acelera o compasso **
Na exagerada vontade de teus beijos. *
.
Meus desejos... caminham junto aos teus *
Misturando fantasias, numa perfeita sintonia **
De abraços, gozos e beijos! *
.
Desejos saciados... corpos cansados **
No silêncio do nosso amor, repousam... *
.
.
Autores:(*) PCoelho(**) Valderez Barros
.
Agradeço ao amigo Paulo, por quem tenho a maior admiração e respeito, mais essa oportunidade que me deu, de viajarmos numa mesma emoção, fazendo juntos mais um poema .
Visitem esse poeta de grande sensilbilidade e descubram a beleza do seu trabalho literário, em:
.
Ou:
Maceió, 08/04/2007

segunda-feira, abril 02, 2007

Contemplação...


Contemplo o firmamento...
Na estrela mais brilhante,
Entontecida de amor,
Vejo seu expressivo olhar...
.
Quando um vento mais forte
Vem meu corpo acariciar,
Acho que são seus braços
Macios, a me enlaçar...
.
Mas, se uma brisa leve
Afaga o rosto meu,
Sinto em minha boca
O calor de um beijo seu...
.
Assim é o meu viver...
A sonhar,
Acordada ou dormindo,
Com você, meu bem querer...
Copyright © abr/2007
By Valderez de Barros
All rights reserved.